Carreira & Gestão Pública

Empreendedorismo

Ufpi e PMT discutem criação de parque para atrair empresas de tecnologia

Projeto foi apresentado visa a prospecção de novos negócios, de mentalidade empreendedora e criação de startups

 
Reunião entre prefeito de Teresina e reitor da Ufpi

 Reunião entre prefeito de Teresina e reitor da Ufpi

 
 

A Universidade Federal do Piauí (Ufpi) está propondo à Prefeitura de Teresina uma parceria para a criação de um centro especializado para estimular novos negócios, o empreendedorismo e atrair empresas de tecnologia ao Piauí.

 

Chamado de Parque Tecnológico do Piauí, o espaço pretende mobilizar parceiros para instalar no estado um centro para impulsionar talentos, viabilizar oportunidades e produzir impacto no desenvolvimento econômico da capital e do Estado.

 

A ideia foi apresentada pelo reitor da Ufpi, Gildásio Guedes, na manhã da última sexta-feira (12) ao prefeito de Teresina, Dr. Pessoa. “Mais do que um espaço físico, o Parque Tecnológico é uma completa mudança de mentalidade em prol do crescimento econômico de Teresina e do Piauí, e para o sucesso do projeto contar com grandes parceiros como a Prefeitura é fundamental", afirmou Gildásio.

 

O superintendente de comunicação da Ufpi, Fenelon Rocha, presente no encontro, acrescentou que o parque tecnológico inclui várias ações: prospecção de novos negócios, desenvolvimento de uma mentalidade empreendedora, criação de startups, “bem como projeção de setores que se completam em um cenário de economia inteligente”. A minuta do projeto deve ser apresentada ainda este mês.

 

 

Centro de Tecnologias Aplicadas (CTA) em Eficiência Urbana

 

Gildásio Guedes também apresentou a Dr. Pessoa o projeto do Centro de Tecnologias Aplicadas (CTA) em Eficiência Urbana, uma iniciativa do Ministério de Ciência e Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Ele tem o objetivo de mapear o surgimento de aplicações tecnológicas para superar problemas enfrentados pelas cidades, em áreas como infraestrutura, saneamento; drenagem urbana, segurança viária, sistemas energéticos.

 

Teresina foi escolhida para ser umas das 10 cidades do País a ser impactada com ações piloto. No Piauí, a Ufpi é parceria nesse projeto.

 

O projeto foi apresentado pela professora Monique Menezes, que comemorou o encontro com o prefeito. “Com adesão da Prefeitura e com apoio de parceiros, podemos começar a implantar os monitoramentos de novas tecnologias para o Centro e já iniciar essa etapa fazendo uma chamada pública para que empresas privadas que desejarem possam testar suas tecnologias no CTA”, disse Monique Menezes.

 

 

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

 

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

 

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

                                           

TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

 

LINDEKDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

Fonte: UFPI

Mais de Carreira & Gestão Pública