Comércio & Serviços

Expansão

Recém-chegado ao Piauí, Grupo Mateus cresce 53% em receita bruta

Rede de supermercado apresenta primeiro resultado após estrear na bolsa de valores

 
O Grupo Mateus chegou ao Piauí este ano, com lojas em Teresina e em Parnaíba

 O Grupo Mateus chegou ao Piauí este ano, com lojas em Teresina e em Parnaíba

 
 

A rede de supermercados maranhense Mateus apresentou na semana passada o primeiro balanço financeiro desde a abertura de capital na bolsa de valores, em 13 de outubro. A receita busca no terceiro trimestre de 2020 foi de 53% na receita bruta e 65% no lucro líquido, acima da média do mercado.

 

A forte performance do trimestre pode ser atribuída, principalmente, ao excelente desempenho na abertura de novas lojas - foram 8 inaugurações até setembro de 2020 – sendo duas delas no Piauí. Isso contribuiu para um crescimento de 29,8%.

 

A primeira loja do Grupo Mateus (Mix Atacarejo) no Piauí foi inaugurada em 14 de fevereiro, em Teresina (Foto: Governo do Piauí)

 

O grupo também atribui a alta às ações promocionais durante o mês de agosto para comemorar o aniversário do Grupo Mateus e o impacto do benefício emergencial, decorrente da pandemia da covid-19.

 

O crescimento de vendas em mesmas lojas durante o período foi positivo, registrando um aumento de 23,7% no terceiro trimestre de 2020 e de 17,5% no acumulado de nove meses.

 


Leia mais

Parnaíba: Grupo Mateus inaugura em abril sua segunda loja no Piauí

 

Chegada de novas empresas eleva importância do polo industrial de Parnaíba

 

Gestões incompatíveis foram o pivô da divisão do Comercial Carvalho

 


 

 

A loje de Parnaíba, na Avenida São Sebastião, foi inaugurada em maio, após o início da pandemia (Foto: divulgação)

 

“Resultado de muito trabalho”, diz Ibson Mateus

Ilson Mateus, presidente do Grupo Mateus, comentou os números e comemorou os resultados obtidos no trimestre. “Essa conquista só foi possível graças ao empenho, à dedicação e à colaboração de todos que fizeram e fazem parte do Grupo Mateus. Nossa meta é abrir de 25 a 30 lojas por ano, nos próximos 4 anos. Somente no mês de outubro, já abrimos 3 lojas (Mix Atacarejo) e, até o final deste ano, estimamos chegar a mais de 150 lojas.”, destacou Mateus.

 

Destaques do período

A receita bruta manteve o ritmo forte de crescimento durante o trimestre atingindo R$ 3,9 bilhões, com aumento de 53,5%, quando comparada ao terceiro trimestre de 2019. No acumulado do ano, a receita atingiu R$ 10,1 bilhões, superior em 41,0% aos nove meses de 2019.

 

- A receita líquida no trimestre foi de R$ 3,6 bilhões, com crescimento de 51,6% sobre o mesmo período do ano anterior. No acumulado do ano, a receita atingiu R$ 8,7 bilhões, superior em 38,3% aos nove meses de 2019.

 

 - O EBITDA (indicador não-contábil que demonstra o lucro de uma empresa antes do reconhecimento das despesas com juros e impostos) ajustado foi de R$ 325 milhões no trimestre, com crescimento 65,6%. A margem EBITDA Ajustada no mesmo período foi de 8,9% contra 8,2% no mesmo período do ano anterior.

 

- O lucro líquido também cresceu durante o terceiro trimestre atingindo R$ 236 milhões, registrando um aumento de 64,6% em comparação ao mesmo período no ano anterior.

 

- O Grupo continua trabalhando em seu projeto de expansão, e inaugurou 8 lojas no trimestre (25 lojas nos nove meses de 2020). No Piauí, houve inauguração em Teresina, em fevereiro, e em Parnaíba, em maio.

 

 

IPO foi o maior de 2020

Com o preço da ação a R$ 8,97, o Grupo Mateus levantou R$ 4,61 bilhões na oferta inicial. O valor fez com que o IPO fosse o maior da história do Nordeste brasileiro e o maior do Brasil em 2020. Do volume total de recursos arrecadados, 85% são primários e vão para o caixa da empresa, sendo inteiramente utilizados na expansão do Grupo.


 

Sobre o Grupo Mateus

Uma mercearia de apenas 50m². Assim começou a história do Grupo Mateus na cidade de Balsas, interior do Maranhão. O ano era 1986 quando Ilson Mateus, mais uma vez, arriscou montar um negócio, depois de ter falido duas vezes e arriscado a vida do garimpo da Serra Pelada. O ex-engraxate e torneiro mecânico que mal concluiu o ensino primário conseguiu transformar o pequeno armazém na maior rede varejista de alimentos do país com capital 100% nacional e na 4ª maior empresa de varejo do Brasil.

 

Com 34 anos de mercado e presente nos estados do Maranhão, Pará e Piauí, a empresa figura ainda como um dos maiores atacadistas do país e o maior das regiões Norte e Nordeste. Com mais de 19 mil pontos de venda e suporte de mais de 1.700 representantes comerciais do segmento de atacado, o Grupo também atende os Estados do Tocantins, Bahia e Ceará com venda externa.

 

Com uma rede de 145 lojas físicas composta por 30 atacarejos, 24 supermercados, 2 hipermercados, 71 lojas de eletroeletrônicos, 18 lojas de vizinhança, abastecidas por 9 centros de distribuição, a empresa ainda possui uma plataforma de e-commerce em rápida expansão. Atualmente, o Grupo é um dos maiores empregadores do segmento nos estados onde atua, somando mais de 29 mil colaboradores.

 

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

  TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

LINDEKDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

Mais de Comércio & Serviços