Agronegócio

Expansão

Área plantada do Matopiba alcançará 8,9 milhões de hectares até 2030

Somente os municípios de Uruçuí e Baixa Grande do Ribeiro vão ampliar as terras produtivas para mais de meio milhão de hectares

 
O Matobipa envolve quatro estados brasileiros e ainda tem muito espaço para crescer (Arte: Ministério da Agricultura)

 O Matobipa envolve quatro estados brasileiros e ainda tem muito espaço para crescer (Arte: Ministério da Agricultura)

 
 

A região do Matopiba, que compreende terras nos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, deve expandir sua área plantada em 15% nos próximos dez anos, chegando a alcançar 8,9 milhões de hectares. A produção deve crescer o dobro (32%), atingindo 33 milhões de toneladas em 2030. A previsão é do estudo “Projeções do Agronegócio 2019/20 a 2029/30”, feito pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em convênio com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

 

Segundo o estudo, atualmente os 324 mil estabelecimentos agrícolas do Matopiba atuam em 8 milhões e hectares e produzem 25 milhões de toneladas de grãos (safra 2019/20). Considerando o limite máximo de crescimento, a área plantada pode ultrapassar a previsão de 8,9 milhões de hectares e bater os 11 milhões de hectares. A produção, mais ainda: pode passar dos 33 milhões e atingir 41 milhões de toneladas (veja gráfico abaixo).

 

 

A publicação divulgou destacando os dez municípios que mais produzem grãos na região e a previsão de crescimento de área plantada e produção até 2030. No Piauí, as cidades citadas foram Baixa Grande do Ribeiro e Uruçuí. A primeira deve aumentar a área plantada de 187 mil hectares para 263 mil hectares, o maior crescimento de 40% entres os dez municípios. A produção de grãos em Baixa Grande vai passar de 652 mil toneladas (2019/20) para 899 mil toneladas, um crescimento de 38%.

 

Já Uruçuí, que este ano plantou 159 mil hectares e produziu 525 mil toneladas de grãos, vai expandir sua área plantada para 220 mil hectares e deve alcançar uma produção de 722 mil toneladas em 2030 (tabela abaixo).

 

 

 


Leia mais

Safra de grãos 2019/2020 no Piauí deve crescer 6,8%

Indiferente à crise, setor agrícola do Piauí cresce 15% em 2020

Produtor do Cerrado piauiense recebe prêmio nacional

 


 

No Matopiba vivem 5,9 milhões de pessoas, em 337 municípios. Seu maior bioma (91%) é o Cerrado, que apesar de enfrentar secas intensas em alguns períodos, consegue superar as adversidades graças às peculiaridades locais. “Tem uma dinâmica diferenciada de crescimento. Parte das dificuldades climáticas é contornada com o elevado nível de tecnologia utilizada na região e pela experiência dos agricultores, egressos de várias regiões do país”, afirma o estudo.

 

As áreas que vêm sendo ocupadas nesses estados, segundo a publicação, têm algumas características essenciais para a agricultura moderna. São planas e extensas, solos potencialmente produtivos, disponibilidade de água, e clima propício com dias longos e com elevada intensidade de sol. Apesar das condições climáticas, o estudo destaca que a limitação maior, no entanto, “são as precárias condições de logística, especialmente transporte terrestre, portuário, comunicação e, em algumas áreas ausência de serviços financeiros”.

 

 

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

 TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

LINDEKDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

YOU TUBE

👉🏾 https://www.youtube.com/channel/UCqRed2t13tL6AreY3vMcAwA

 

Mais de Agronegócio