Comércio & Serviços

Covid-19

No Piauí, 12 mil empresas não resistem à pandemia e fecham de vez

Segundo o Sebrae, a interrupção das atividades há três meses sufocou os pequenos negócios

 
O bar Poko Loko não irá mais reabrir, após 3 meses fechado (Reprodução Instragram)

 O bar Poko Loko não irá mais reabrir, após 3 meses fechado (Reprodução Instragram)

 
 

Com a suspensão das atividades econômicas há três meses, cerca de 12 mil micro e pequenas empresas do Piauí fecharam definitivamente as portas. A informação foi divulgada esta semana pelo presidente do Conselho Deliberativo do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piauí, Freitas Neto, durante videoconferência com o governador Wellington Dias, para discutir sobre a reabertura das empresas locais.

 

Freitas Neto concorda que a paralisação foi necessária, mas a reabertura, obedecendo aos protocolos exigidos, é mais que urgente, na medida em que deve contribuir para mitigar os efeitos da crise econômica que será sem precedentes. “O Sebrae está à disposição do poder público para colaborar no que se fizer necessário para uma retomada segura. Mas está também irmanado com os pequenos negócios para que essa retomada ocorra o quanto antes”, pontuou.

 


Leia mais

Queda de 90% nas vendas: "Esta é a crise mais desafiadora", lamenta empresário

Coronavírus: comércio do Piauí perde quase R$ 1 bilhão em cinco semanas

Mesmo com delivery, faturamento em restaurantes de Teresina cai até 95%

Empresa piauiense recorre a três empréstimos para sobreviver à crise do coronavírus


 

Entre as várias empresas que já encerram as atividades, muitas divulgaram a decisão nas próprias redes sociais ou por meio da imprensa. Uma delas foi o bar Poko Loko, que funcionava no supermercado Carvalho, na Avenida Homero Castelo Branco, em Teresina. Por meio do perfil do bar no Instagram, a administração culpa o poder público pela crise. “Os governos federal, estadual e municipal são responsáveis pelo abandono que atinge quem gera emprego e renda nesse país”, diz um trecho da nota.

 

Poko Loco anunciou o encerramento das atividades (Reprodução Instagram)

 

Outra empresa que anunciou o fechamento foi o motel Garden, localizado na zona sul de Teresina e com mais de 60 suítes. Em entrevista ao site oitomeia, o empresário Danilo Damásio, proprietário do estabelecimento, disse que o movimento caiu em março e o caixa da empresa começou a se deteriorar. “Tínhamos, em média, cerca de 70 atendimentos por dia. Após 21 anos, é hora de encerrar as atividades”, afirmou. O setor de lazer, bar, restaurante foi um dos mais afetados pela crise, conforme mostrou o Piauí Negócios. Muitos tiveram queda de 95% no faturamento.

 

O Garden também anunciou que irá fechar de vez (Foto: divulgação)

 

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

 TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

LINDEKDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

 TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

LINkEDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

Fonte: Sebrae-PI

Mais de Comércio & Serviços